CMC realizou curso sobre Orçamento Público aberto à comunidade

por Sophia Gama*, especial para a CMC — publicado 09/06/2022 16h35, última modificação 10/06/2022 07h02
A atividade foi ministrada pelo professor Rodrigo Kanayama, da Universidade Federal do Paraná.
CMC realizou curso sobre Orçamento Público aberto à comunidade

O curso foi realizado no plenário da CMC, voltado para assessores e servidores da Casa. Na foto, Rodrigo Kanayama. (Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

Na tarde desta quinta-feira (9), a Câmara Municipal de Curitiba (CMC) realizou um curso sobre o Orçamento Público, ministrado pelo advogado e professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Rodrigo Luís Kanayama.  A atividade foi uma iniciativa conjunta da Procuradoria Jurídica e da Escola do Legislativo, que também já realizou, neste ano, um curso sobre Serviços Administrativos em parceria com o CIEE.

O propósito da atividade é garantir a formação continuada dos servidores do Legislativo e a capacitação dos mandatos nos aspectos mais importantes do trabalho parlamentar. "Mas essa troca de conhecimento com a universidade também serve para oxigenar a Câmara, pois traz um outro olhar para dentro da instituição", disse a vereadora Professora Josete (PT), segunda-secretária da Mesa Diretora da CMC, na abertura da atividade.

Durante a atividade, Kanayama abordou o funcionamento do orçamento municipal de forma geral, e também reservou espaço para temas “controvertidos”. “Escolhi um tema que está na mídia, a questão das emendas de dinheiro para shows”, contou o professor à reportagem, logo antes do início da palestra. “Mas o objetivo principal é explicar como o orçamento funciona, as relações entre os Poderes e essa dinâmica do Estado”, explicou. Dentro da diretriz de compartilhar suas atividades com a comunidade, a palestra está disponível no YouTube da CMC (veja aqui).

>>> Confira o registro fotográfico do curso no álbum da CMC no Flickr.

Para Kanayama, o curso é muito importante para a Câmara de Vereadores, pois “é fundamental que se compreenda a forma com que a academia vem estudando o orçamento e como ele funciona, ou deveria funcionar”. “A pretensão é fazer este intercâmbio do nosso estudo acadêmico com a prática aqui na Câmara”, finalizou. A palestra foi mediada por Juliana Fischer de Almeida, procuradora da CMC.

“Tendo em vista que toda política pública só se torna efetiva com recursos públicos, o conhecimento sobre orçamento público municipal é fundamental”, disse Carlos Barbosa, diretor da Escola do Legislativo. “Além disso, como uma das funções dos vereadores é a fiscalização dos gastos públicos, o conhecimento sobre o orçamento é fundamental”, afirmou.

Na mesma linha, Ricardo Tadao Inoue, diretor da Procuradoria Jurídica, destacando a excelência do corpo técnico da CMC, sublinhou que "
todas as políticas públicas passam pelo orçamento" e que atividades como essa são importantes para "trazer a visão da academia e como isso é discutido nas universidades [para o Legislativo]".

*Notícia elaborada pela estudante de Jornalismo Sophia Gama*, especial para a CMC
Supervisão do estágio: Fernanda Foggiato
Edição: José Lázaro Jr.
Revisão: Vanusa Paiva