CMC requer academia ao ar livre para vários bairros da capital

por Assessoria Comunicação publicado 05/12/2014 11h35, última modificação 28/09/2021 08h57

Os vereadores da Câmara Municipal apresentaram, nas últimas quatro semanas, 12 pedidos para instalação de academias ao ar livre em vários pontos da capital. Professor Galdino (PSDB), por exemplo, solicitou a implantação dos equipamentos em três áreas da cidade. Uma delas é para a praça localizada próxima à rua Antenor Guimarães n°260, no bairro Pilarzinho (044.09108.2014); outra na rua Célia Cabral Salgueiro n° 115, no bairro Santa Felicidade (044.09112.2014); e uma na rua Benjamin Zilli próximo ao n° 42, na praça Pedro Alexandre Brito, no bairro Ahú (044.10920.2014).

Já o vereador Mestre Pop (PSC) requer o equipamento para a praça localizada na rua João Lacolla no bairro Campo de Santana (044.13203.2014), além de uma academia ao ar livre e um parquinho infantil no Bosque das Araucárias, na rua Everton Leinig Saporski com Adolpho Bertoldi, também no Campo de Santana (044.13205.2014). Também pede uma academia ao ar livre na Praça Campo Cerrado, na rua Marciano Marques de Lima, na esquina com a rua Dra. Léia K. Grupenmacher,  no bairro Sitio Cercado (044.13175.2014).

Também apresentaram requerimentos para academias ao ar livre os vereadores Dirceu Moreira (PSL) (044.12796.2014 e 044.13429.2014); Aldemir Manfron (PP) (077.00314.2014); Cristiano Santos (PV) (044.13398.2014 e 044.13003.2014); Beto Moraes (PSDB) (044.13657.2014 e 044.12522.2014) e Rogerio Campos (PSC) (044.13220.2014).

Segundo a resposta da prefeitura a todos os pedidos, os locais indicados pelos vereadores entram em um cadastro de sugestões. O Executivo salienta que o local indicado deve ser público e pertencente ao município de Curitiba. É preciso ainda que o espaço seja avaliado e liberado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Todos os requerimentos podem ser acessados pelo Sistema de Proposições Legislativas (SPL), por meio do código correspondente a cada proposição.