Giorgia Prates, a filha de uma faxineira do Palácio Iguaçu que virou vereadora

por Alex Gruba | Revisão: Ricardo Marques — publicado 08/02/2024 08h05, última modificação 21/02/2024 15h19
Representante de um mandato coletivo, Giorgia Prates assumiu uma cadeira na Câmara Municipal de Curitiba em 2023.
Giorgia Prates, a filha de uma faxineira do Palácio Iguaçu que virou vereadora

Em Curitiba, Giorgia Prates representa o coletivo Mandata Preta na Câmara Municipal. (Foto: Reprodução CMC Podcasts)

Giorgia Prates nasceu na periferia de São Paulo, mas sempre manteve uma estreita relação com Curitiba. Nas férias, costumava viajar para cá para visitar parentes. Yara Silveira Prates, a mãe dela, morou na capital do Paraná quando adolescente e aqui, durante anos, trabalhou como faxineira do Palácio Iguaçu. Anos depois, Yara pensava em regressar para Curitiba, mas infelizmente acabou falecendo antes. Há 18 anos, Giorgia realizou sozinha o sonho da mãe. Saiu da periferia de São Paulo para aqui conquistar seu espaço. Agora, a filha da dona Yara é vereadora da Câmara Municipal de Curitiba.

Giorgia Prates – Mandata Preta ficou como suplente na eleição de 2020, com 3.582 votos. Com a ida de Renato Freitas para a Assembleia Legislativa do Paraná, assumiu a cadeira de vereadora em 2023. A disputa eleitoral foi feita com base em um mandato coletivo, Mandata Preta, nome para firmar a negritude dentro dos espaços políticos. Segundo ela, pretos e pretas passaram a ter mais posições de destaque na sociedade. "Estamos ocupando esses espaços e isso precisa ser dito o tempo todo”, disse a vereadora filiada ao Partido dos Trabalhadores (PT).

Inscreva-se no canal do CMC Podcasts no YouTube

 

Para elencar suas bandeiras, Giorgia Prates destaca sua experiência de vida na periferia de Curitiba. “Quando a gente vem da periferia, tudo falta. Mas quando você olha pras demandas da periferia, todas elas existem: as demandas da mulher, da criança, do adolescente, do LGBT, de negros e negras, a questão da moradia, está tudo imbricado”, disse a vereadora. As pautas mais urgentes, segundo ela, são a lista: moradia, fome e acesso para possibilidade de mudança de vida.

Da experiência como fotojornalista, Giorgia Prates disse que aprendeu muito ao transitar em todos os espaços da cidade. Fazendo trabalhos que iam de manifestações culturais a polos de ocupação, percebeu gritantes diferenças sociais e econômicas. “Aprendi onde está a falta e onde está a sobra, o fotojornalismo me trouxe isso”, ressaltou a vereadora, elencando a fiscalização de obras municipais como um pilar na sua atuação parlamentar.

CMC Podcasts: o ponto de encontro dos curitibanos na internet

O CMC Podcasts é um conjunto de 14 programas produzidos pela Diretoria de Comunicação Social da Câmara Municipal de Curitiba. Os podcasts marcam uma comunicação pública moderna, com foco na transparência. Além de entrevistas, como o Você me representa, há espaço para programas de debates de assuntos relevantes para a cidade. Os episódios são publicados no YouTube e no Spotify.

Assista à entrevista com o vereadora Giorgia Prates – Mandata Preta no Você me representa via YouTube ou Spotify.