Câmara prestigia sanção do Plano de Carreira do Magistério

por Assessoria Comunicação publicado 11/11/2014 18h10, última modificação 28/09/2021 06h49

Na presença de diversos vereadores da capital, o prefeito Gustavo Fruet sancionou, na tarde desta terça-feira (11), a lei municipal 15.544/2014, que institui novo plano de carreira para os profissionais do magistério de Curitiba, que foi aprovada na Câmara Municipal no mês de outubro. Durante a solenidade, o líder do prefeito na Casa, Pedro Paulo (PT), ressaltou a dedicação do Legislativo com relação à apreciação e aprovação da lei do magistério, assim como de outras carreiras neste ano.

“Este plano de carreira valoriza, de maneira concreta, o papel do educador na sociedade. Também mostra a sintonia entre os poderes Executivo e Legislativo sobre temas que beneficiam a cidade, embora mantenhamos a independência”, declarou Pedro Paulo. (Leia mais)

Para o presidente da Câmara, vereador Paulo Salamuni (PV), o Legislativo está empenhado na sua função de legislar e fiscalizar os atos do município e dos temas de interesse público na cidade. “Tivemos atuação direta em todo o processo de elaboração e aprovação deste plano de carreira, assim como de outras categorias como da Guarda Municipal, dos agentes de saúde e dos procuradores do município”, disse. Salamuni acrescentou que a sanção desta lei representa um “coroamento” de todo trabalho legislativo desempenhado pela Câmara Municipal de Curitiba.

O papel dos vereadores nos projetos em benefício da cidade de Curitiba também foi destacado pelo prefeito Gustavo Fruet. Segundo o chefe do Executivo, o Legislativo sempre foi “solidário” aos desafios enfrentados pela gestão municipal. “A Câmara foi decisiva neste processo, nos ajudou a regularizar as contas do município, já que encontramos muitas dificuldades financeiras no início da gestão. Com este plano de carreira, buscamos requalificar e adaptar as distorções antigas geradas dentro das carreiras públicas”, disse Fruet.

Também acompanharam a solenidade servidores do quadro do magistério municipal, a secretária de Educação, Roberlayne Roballo e de Recursos Humanos, Meroujy Cavet, além dos vereadores Ailton Araújo (PSC), Felipe Braga Côrtes e Serginho do Posto, ambos do PSDB, Geovane Fernandes (PTB), Julieta Reis (DEM), Professora Josete (PT), Tito Zeglin (PDT) e Valdemir Soares (PRB).