Vereadora Ana Júlia Ribeiro (PT)  |  1º mandato (2021-2024)

Perfil, contato, comissões das quais participa, projetos e notícias

Vereadora Ana Júlia (PT)

Outras informações sobre Ana Júlia Ribeiro

Legislaturas

18ª (2021-2024)*

*Exerceu o mandato duas vezes, na condição de 1ª suplente do Partido dos Trabalhadores (PT). Ela substituiu Renato Freitas (PT) nos dois momentos em que o vereador ficou afastado do cargo em razão da cassação do seu mandato parlamentar pela CMC, cujos efeitos foram suspenso pelo STF. Ana Júlia exerceu o mandato da posse, no dia 04/07/2022 (saiba mais), até o dia 07/07/2022. Depois, do dia 23/08/2022 até 09/10/2022 (saiba mais).

Nome civil/nascimentoAna Júlia Pires Ribeiro, Curitiba (PR), 30/06/2000
Resultados eleitorais
  •  2020 (4.538 votos - PT)


PERFIL DA VEREADORA

Ativista da educação pública, foi a jovem mais votada para a CMC em 2020. Antes, em 2016, durante o movimento das ocupações secundaristas, ficou nacionalmente conhecida pelo discurso na Assembleia Legislativa do Paraná. Filiou-se ao PT em 2018.

Ana Júlia Ribeiro é ativista da educação pública, estudante de Direito na PUC-PR e de Filosofia na UFPR. Em 2020, com apenas 20 anos, foi a jovem mais votada para a Câmara Municipal de Curitiba.

Aprendeu desde cedo com os pais trabalhadores, seu Júlio e dona Nina, que a luta se faz nas esferas públicas e que a democracia é um dos bens mais caros ao ser humano.

Começou sua militância na escola pública, se destacando nas ocupações secundaristas de 2016, organizadas pelos estudantes que se posicionavam contra a reforma do Ensino Médio, agora em curso. Ficou nacionalmente conhecida por seu discurso na Assembleia Legislativa do Paraná, quando aos 16 anos enfrentou os deputados defendendo o movimento das ocupações secundaristas.

Filiou-se ao Partido dos Trabalhadores em 2018, a convite do presidente Lula, e em 2020, sua campanha de candidata a vereadora teve como eixo central a defesa de uma educação pública de qualidade e a renovação geracional na política.

» Com informações cedidas pelo mandato parlamentar.